Dicionário Cacheado – Termos e expressões que você precisa saber!

Você começou a pesquisar sobre cachos agora, e parece que os blogs e grupos no facebook estão falando grego? Você já procurou em várias farmácias, mas não sabe o que é esse tal de “leave in” que tanto falam? Seus problemas acabaram, mis amores!  Nesse post eu reuni todo o vocabulário necessário para transitetes e cacheadas, então é hora de explodir todas essas dúvidas! (Figurativamente, é claro!) Confira nosso dicionário cacheado!

Se você está envolvida nesse mundinho cacheado há muito tempo, e acha que sabe tudo, lamento informar: Sempre há mais termos pra aprender, fofuras!

Se quiser procurar alguma palavra específica, dê ctrl + F, e coloque a palavra-chave que deseja procurar. É prático, é fácil, é jovem.

Senta, pega pipoca, escuta essa música, e relaxa enquanto você lê o nosso super vocabulário.

 

Uma breve introdução

Nessa parte do post, vou explanar os termos gerais cacheados. Mais fácil e delícia que comer mamão com açúcar!

Day after: Em inglês significa “dia seguinte”, ou seja, é o dia posterior à lavagem dos fios. Normalmente, os cachos se desfazem, então é mais difícil mantê-los no dia seguinte. A Mari deu muitas dicas lindas sobre como manter os cachos brilhosos, cheirosos e bonitos no day after.

Bepantol - Agente Hidratante– Tipo 2A, 3C, 4B, etc:  Os tipos capilares se referem a maneira como os seus cachos se organizam em espirais, mais fechados ou abertos. O volume também é classificado, a oleosidade e etc. Por exemplo, cabelos lisos são tipo 1, e cabelos crespos tipo 4. Entre eles, há várias gradações. A classificação completa está aqui, inclusive com várias fotos, porque nós do Cacheia somos lindas!

Plopping: O plopping é uma técnica de enrolar algum tecido nos cachos para não amassá-los, preservando a forma das molinhas. Você pode fazer o plopping na hora do banho, para não provocar frizz pelo vapor do chuveiro, pode fazer o plopping com o cetim para dormir ou andar de moto, ou pode fazer o plopping com sua toalha de algodão após a lavagem, para secar os fios.  É sucesso! O plopping também dá certo para cabelos curtinhos! =’)

Bepantol: Bepantol é esse simpático vidrinho ali do lado. Ele é composto por pantenol, responsável por hidratar pele e cabelos, e o nome da marca “Pantene” vem justamente desse composto!

– Shampoo Bomba: Dessa bomba, vocês podem correr léguas, viu gente? O shampoo bomba é uma mistura para crescimento capilar, feita com shampoo + monovim A (remédio veterinário) e bepantol. Eu falei antes porque eu odeio (SIM! odeio!) essa mistura-da-morte, inclusive tem explicações de dermatologista, e um relato da vida real que vai convencê-los a ficar longe desse danadinho.

Low Poo/No Poo: Esse é um método de cuidado dos cabelos, em que os shampoos são reduzidos ou cortados totalmente da rotina capilar. Essa técnica ajuda a regular a oleosidade do couro cabeludo, mantendo os fios saudáveis. É um método lindo, preciso dizer.

Pantogar: É um complexo vitamínico e nutricional para fortalecer o bulbo capilar. Normalmente, é receitado por dermatologistas, mas você pode comprá-los sem receita.


Transitetes de todo o mundo, uni-vos!

Transição é muito mais que uma palavra, transição é um estilo de vida. Atire a primeira pedra quem discorda da transformação que a transição provoca na sua vida! Pago um pacote de bala chita pra quem não começou uma conversa com um estranho aleatório da rua sobre cabelos cacheados, desde que iniciou a transição. Pago pra ver, hein?

Foto da minha transição

Minha transição!

– O que é transição? A transição compreende aquele período que você desiste das químicas de alisamento, e resolve assumir suas raízes naturais. A transição termina com o big chop e começa com o maior grito de liberdade e alegria, tipo, de todos os tempos.

– Químicas: Quando falamos de desistência das químicas, não queremos que você desista do shampoo, tinturas e vá viver com os tigres na savana africana. Não, amiguinhos, quem entra em transição desiste das químicas de alisamento, selantes, relaxantes. Você pode continuar pintando os fios, e usando shampoos industrializados normalmente, caso queira.

– BC (big chop): Big chop significa em inglês “grande corte”, ou seja, é aquele corte que vai retirar toda a química restante dos seus fios. BC é libertador, é amor, é alegria e ousadia.

– Texturização: As texturizações são formas de cachear a parte lisa sem babyliss ou fontes de calor, protegendo os lindos fios contra desgaste térmico. É bem fácil de fazer e aqui no cacheia já existe um post explicativo que vai te ajudar a diminuir o sofrimento da transição.

 

Hora do Lavatório

Lavagem de Cabelo - TermosQuem acha que o vocabulário terminou, ainda tem mais! Se a dúvida surgir na hora de lavar, não hesite em perguntar! (sou uma poeta, e faço rimas maravilhosas)

– Co wash: O co wash é a lavagem com condicionador. Não lindezas, o cabelo não fica sujinho! Você deve utilizar um condicionador sem silicones e petrolatos. É uma forma de lavagem linda porque não agride em nada os seus fios. Em breve faremos um post fodástico sobre o assunto.

Shampoo anti-resíduos: O shampoo anti-resíduos faz uma limpeza bem profunda, abrindo as cutículas dos fios. Algumas pessoas defendem o uso desse bonitinho a cada 15 dias, mas particularmente, eu não uso tipo, nunca, porque meu cabelo chora todas as vezes que eu ponho isso nele. Deve ter uns 6 meses que não lavo meus cachos com anti-resíduos.

– Lavagem com bicarbonato: A lavagem com bicarbonato é menos agressiva do que o anti-resíduos, e é bem simples! Você coloca uma colher chá de bicarbonato em 500 ml de água, e joga nos fios. Depois é só enxaguar, condicionar normalmente e acidificar com o vinagre. Vocês não leram errado, é vinagre mesmo!

– Último enxague com vinagre: Depois que você lavou normalmente seu cabelo, seja com bicarbonato ou shampoo, e condicionou, você mistura três colheres de vinagre de maçã em 1L de água filtrada, e joga no cabelo. Os fios não fedem, a porosidade reduz, e os cabelos ficam muito brilhosos.  Também farei um post específico com os resultados da técnica, juro juradinho. Vai ter até foto.

 

Viciados em Cronograma Capilar

Fio de Cabelo - Cronograma capilarAinda não acabou, amores. Então, segura na mão de Deus, e vai! Liga a música de sala de espera que eu coloquei ali encima, tenha fé, porque você está quase terminando! Sim, quase.

O que é cronograma capilar? Cronograma capilar é uma rotina de cuidados para os cabelos, e ele é responsável por repor os nutrientes que os fios precisam, como lipídeos, águas, vitaminas, sais e proteínas. A etapa de nutrição vai devolver os óleos, a etapa de hidratação vai repor a água, e a reconstrução vai alimentar os fios com proteínas.

– Argiloterapia: A argiloterapia é uma daquelas invenções divertidas que você pensa “os povos antigos deviam usar, né?”. Eu, pelo menos, sempre penso nisso, nos primeiros povos tacando argila no cabelo e indo tomar banho no rio. É lindes, às vezes, eu viajo um pouco. Bom, a argiloterapia consiste na aplicação de argila no couro cabeludo, e além de combater a caspa, também reduz o volume. Só vejo benefícios.

Ampolas capilares: As ampolas são hidratações capilares que já vem em quantidade exata para uma aplicação. São tratamentos “rapidex”, ou seja, foram criadas pra serem usadas por alguns minutinhos e acabou o problema.

Receitas Caseiras: Receitinhas caseiras são aquelas hidratações que você faz em casa, com ingredientes da dispensa mesmo. Coloque o óculos, o jaleco e pode começar a dar uma de químico! Meus amores, essas belezuras são eficientes sim! Não há nada melhor do que ser natureba, isso eu garanto.

“Eu acredito em receitas caseiras, acredito, acredito”. Peter Pan

Silicones: Os silicones são ingredientes artificiais colocados pelas indústrias de cosméticos para reduzir a estática (vulgo frizz), deixar o cabelo mais macio e ajudar a desembaraçar. Mas não se iludam, porque silicones não hidratam ou nutrem os fios.

– Parafinas, óleo mineral e petrolatos: Parafinas, óleo mineral, petrolatos são compostos oleosos derivados do petróleo que são acrescentado nos produtos capilares. O problema é que eles não tratam o cabelo, saturam os fios, fazem uma maquiagem tosca de falso cuidado, e impedem que o tratamento real penetre. Evite. Sério.

– Óleos Vegetais: São óleos naturebas, derivados de plantas, ervinhas, sementes… Não possuem nenhum daqueles petrolatos, e tratam os fios de verdade. Sem maquiagens. Exemplos: óleo de girassol, azeite de oliva, óleo de amêndoas, óleo de cenoura, óleo de abacate, óleo de coco, e até o famoso óleo de soja. Eu amo todos. Me mandem galões de óleos vegetais que eu vou amar, flw? Meu aniversário é 03 de junho.

 

Encerrando com: finalizações

O vocabulário de cacheados é bem extenso, e um dia vou fazer um dicionário real, juro. Mas não precisa de drama, menines, porque aqui no Cacheia a gente deixa tudo mais fácil. Agora, eu juro, tá finalmente acabando. Pode orar e agradecer aos céus. Você foi forte o suficiente e chegou até o final! (Ou só apertou o Ctrl + F, vai saber, né?)

Borrifador

Borrifadores: São esses bonitinhos aí de cima! Meus melhores amigos desde sempre, os borrifadores ajudam a garantir um bom day after e ajeitar aqueles cachinhos amassados, ou teimosos demais. Você coloca algum líquido, tipo chás, e borrifa. Eu ensinei todas as receitinhas caseiras possíveis, e é sucesso garantido!

Leave in: Em inglês, “leave in” significa “deixar em”. São produtinhos criados para serem deixados no cabelo, então possuem protetor solar e térmico na composição, impedindo que seu cabelo frite. Agora, uma breve história: quando esses cosméticos foram trazidos para o Brasil, eles foram aportuguesados sob o nome de “creme de pentear”. Então, leave in e creme de pentear são sinônimos!

Método LOC: O método LOC é uma técnica de finalização, que significa líquido (olha nossos amigos borrifadores lá encima de novo!) + óleo + creme. A Ster escreveu um post magnífico explicando a técnica, está facinho!

Gel de linhaça, gel de aveia, gel de gelatina: Esses geis são receitas caseiras, feitas com ingredientes naturais. Ainda não temos receita de nenhum, mas nós vamos postar o mais rápido possível, ok amorecos?

Gel cola: O gel cola, literalmente, parece uma cola. Eu comprei um gel desses uma vez, há muito tempo, e foi lindo o resultado: cabelo definidinho e volume reduzido. Podem tentar, que é ótimo!

 

 

Então é isso, amiguinhas e amiguinhos! Espero que tenham gostado do texto. Se ficou faltando algo, só perguntem que eu edito aqui encima, e respondo nos comentários, ok?

 

Beijocas,

 

Raysa França

Raysa, 21 anos, vegana, belo-horizontina e mineira de coração. Estudante de ciências sociais, apaixonada com pessoas, animais, viagens, desenhos animados, culinária e cabelos.







comments

Blog Comments

Faltou o OG… Realmente eh muito complicado saber o que significa tudo que a gente ve as blogueiras falando sobre! Esse tal desse OG eh um que demorei uma vida pra descobrir o que significa! Beijos meninas!

Oi Alice, tudo bem?
Pra você ver como é verdade, eu não faço nem ideia do que é OG! :o Mais um termo pra atualizar nesse dicionário imenso…… hahahahaha

Vou pesquisar isso aqui =P

Bjocas

Olá meninas, parece que é o método Oléo e Gel. Vi algo no Youtube.

Método cregel!

Olá, Meninas!!!
Preciso muito da ajuda de vcs!!!
Passei 3 anos fazendo escova inteligente e em abril fiz o corte do meu cabelo… bem curtinho mesmo!!! Não sei se posso chamar de BC pq sinto que não foi embora todo o produto, então cortei novamente em maio, dessa vez mais curto… e os cachos começaram a aparecer… porém, percebo que muitas partes do meu cabelo são lisas, não dá uma volta… por outro lado, na franja, sobretudo, faz bastante cacho. Muito louco, isso! Estou tentando seguir algumas regras para ajudar meus cabelos a ficarem saudáveis, mas tenho muitas dúvidas…
Eu uso semanalmente o óleo de coco, tem ajudado bastante <3. Creme de hidratação eu não conheço um adequado, não sei qual usar (portanto tenho usado o L'oreal Keratin – ele vem num kit com shampoo e condicionador, devendo ser usado os três para o tratamento), uso semanalmente tb. Uso Condicionador Seda para cabelos cacheados e o Shampoo sem sulfato da Murrã kush – argan e queratina, uso esses normalmente (e quando uso o óleo de coco tb). Não lavo meus cabelos todos os dias, alterno.
Então…
Eu ainda não compreendi umas coisas:
1- Liberado para low poo significa o quê? Lava de vez em quando com shampoo? Usa condicionador para lavar?
2- Outra coisa, qual condicionador pode ser usado para fazer co-wash? Quer dizer… Quais os exemplos de condicionadores sem silicones e petrolatos (Além do yamá)? Gostaria de saber de alguns… Tentei fazer com o seda para cabelos cacheados e senti o cabelo meio pesado…
3- o meu procedimento cotidiano (descrito acima) está correto?
4- Qual a regra para o creme de tratamento/hidratação?

Eu espero que vcs me ajudem porque eu não sei o que fazer! kkkkk
Bjos, amo o blog de vcs!!!

:***

Aline

Olá Aline, tudo bem contigo?
Mil desculpas pela demora pra responder teu comentário!
Então, isso que vc descreveu é muito normal! Meu cabelo é muito diferente em cada parte da cabeça, sabe?
1. Liberado para low poo significa que os produtos não têm parafina, petrolatos, óleos minerais e alguns sulfatos. Aqui nesse post tem mais explicações: http://bit.ly/descomplicando-low-poo
2. Já usei o condicionador de bétula da phytoervas e gostei bastante!
3. Acho que o Seda tem parafina, não?

Beijocas!

[…] acompanhar grupos, blogs e vlogs para qualquer dúvida que você tiver. Nós, cacheadas, temos um dicionário (zinho) que talvez você precise […]

Day after – Por que não falam simplesmente “dia seguinte”? Mania brasileira de internacionalizar as coisas…

Larisce, pode ser falado dia seguinte também!

Beijocas : *

Concordo que é desnecessário. Não sei o porquê de conversas sobre ‘aceitação’ e ‘valorização pessoal’ envolverem tantos termos em inglês facilmente traduzíveis.

olá! quem não pratica essas técnicas de No/Low Poo, pode usar os produtos indicados para esses procedimento?

Pode sim, Andreia! :)

certo,obriga Aninha! bjos

De nada!

Responder

Juçara Mendes de Oliveira

Ana querida, valeu por todas as explicações, que li do começo até o final, já estava indo procurar os significados das expressões usadas no mundo das cacheadas quando me deparei com essa postagem, muito esclarecedora. Fiz meu BC a mais ou menos uns seis meses, e o resultado foi melhor do que o esperado. Agora vou continuar seguindo “Cacheia”. Adorei! Antes de mais nada me responda o que você acha do creme Amávia, pois o uso e não vi referências. Bjos!

Oi Juçara, esse post foi feito pela Raysa! :)
Mande suas fotos pra gente no facebook, adoraríamos postar! E quanto ao creme, nunca nem ouvi falar, desculpa :( você gosta dele?

Responder

Juçara Mendes de Oliveira

Boa noite para todas! Raysa querida valeu pelo post. Gosto muito deste creme de pentear – Amávia, textura consistente e define bem os cachos.

Oi oi Juçara!
Boa noite! (Bom dia já aqui =P Hahaha)

Obrigada pela indicação, vou pesquisar!
Beijocas

[…] Yamasterol também pode ser usado no co-wash. Mas já que estamos falando sobre isso, é legal mencionar que a Yamá desenvolveu um Yamasterol […]

[…] de sulfatos mais fracos. O ideal é que você faça esses enxagues diários adotando a técnica do co-wash, ou seja: lavagem com […]

[…] com a quantidade de técnicas e nomes que existem e que falamos o tempo todo. Não deixe de ver o Dicionário Cacheado, do […]

Adoooreiiii as dicas.. A pouco tempo decidi entrar na transição capilar e as dicas foram valiosaaaas para mim!!! Parabéns pelo blog!!!;*

Muito obrigada Mônica, fico feliz!! :DD

Ola meninas o/
Vi q na parte de aumentação vcs citaram o óleo de soja, fiquei curiosa… Tudo bem passa-lo no cabelo? Quais são os resultados? O óleo de soja é aquele de cozinha mesmo?
Obrigado! Adoro as dicas de vcs, me ajudaram muito a ver a beleza no cabelo natural. Vlw mesmo

Hahahahaha, piram mesmo! Eu só usei durante a noite uma vez, mas não consegui dormir de tanta agonia. Daí não fiz mais!

“Eu acredito em receitas caseiras, acredito, acredito”. Peter Pan
kkkk me sentindo representada por essa frase.

Quando for nutrir ou hidratar, o condicionar tem que ser usado antes ou depois da mascara?
Eu lavo meu cabelo 3x por semana, no caso, pra fazer o cronograma, toda vez que eu lavar eu vou hidratar ou nutrir ou reconstruir. É certo fazer assim??

Obrigado por TODAS as dicas meninas! Vocês são as melhores <3

Oi, Valdiana!
Desculpe a demora.
Sempre que você for seguir o cronograma capilar, você deve primeiro lavar, depois aplicar a máscara ou receita caseira, enxaguar e só depois aplicar o condicionador, pois ele sela os fios, mantendo a hidratação, nutrição, reconstrução no cabelo.

É importante ressaltar que você não precisa fazer as 3 etapas do cronograma na mesma semana. Inclusive, a etapa de reconstrução só pode ser feita duas vezes por mês para que não tenha efeito contrário.

Sugiro que você leia nosso post sobre cronograma capilar: http://cacheia.com/2013/11/cronograma-capilar-sos-cabelo/

Beijos!

Olá Mari, eu simplesmente amei seu blog e me encaixei no blog, pois nós crespas/cacheadas nos intendemos, rs.
Minha dúvida é quanto ao leave-in (caramba, já estou usando os termos das cacheadas, rs) se, quando passar no cabelo tem que tirar, pq meu cabelo é crespo e só pode lavar uma vez por semana, se não ele quebra, e eu uso todos os dias o leave-in (senão fica armado), e as vezes meu cabelo fica com cheiro desagradável. Eu gostaria de saber o q fazer para evitar mal e se realmente precisa passar leave-in todos os dias.

Brigado linda, parabéns pelo blog, e que DEUS infinitamente ta abençõe. bjks.

Oi Rachel, o leave in, ou creme de pentear, pode ficarn o cabelo sem necessidade de lavar!
Beijinho


Leave a Comment