Colorações

Como combinar a cor do cabelo com o tom de pele?

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Quem nunca ouviu que “cabelo claro não combina com pele morena ou negra” que atire a primeira pedra! Alguém me explica qual a razão de a pele branca combinar com todas as cores de cabelo, e o tom de pele negro só “harmonizar” com tons bem restritos? Não tem explicação lógica, e na verdade, eu quero desconstruir justamente isto.

Antes de virar ruiva, eu fiz muitas pesquisas sobre tons avermelhados, e só encontrei uma gama muito reduzida de cores pro meu cabelo que “combinariam com a minha pele”: vinho, borgonha, vermelho escuro. Ah, me poupe! Meu sonho de infância sempre foi ter fios vermelhos (cereja) ou cobres, não borgonha! Então comprei tintas de farmácia e henna natural, e depois de muitas tentativas e erros, consegui a cor que eu queria. Teve gente falando que a cor do meu cabelo tinha me deixado mais “bronzeadona”, mais “neguinha”. Quem disse que eu ligo? Pra mim foram elogios!

Pele negra combina com cabelo colorido sim!

Por isso que esse post vai justamente na linha contrária dos outros blogs: meu recado é democrático e dirigido pra você que sempre quis mudar a cor dos fios, mas nunca teve a coragem necessária, ou se sentiu representada por revistas e blogs até hoje. Eu vou explicar aqui o básico do básico para atingir cada cor, e se vocês tiverem dúvidas, eu respondo na caixa de comentários. Também planejo fazer um post específico para cada tom, separadamente.

Resumindo: PODE TUDO! Vamos lá?

Tons de Loiro

cabelo crespo e loiro

Todo mundo sabe que cabelo loiro é muito bapho! E aposto que a maioria já teve curiosidade de saber como ficaria com cachinhos dourados!

Tenha em mente que se você quiser ficar loira, terá que fazer descolorações; Minha indicação é de que você as faça de maneira progressiva, por meio das luzes ou balaiagens, e cuide bastante dos seus fios. Se você quiser aloirar aos pouquinhos, pra não chocar muito com a nova aparência, faça o ombré hair, e depois, puxe das pontas até a raiz as luzes. (A Lari já explicou sobre o ombré hair, e o post tá cheinho de fotos de inspiração!) A oferta de tons loiros é imensa, desde os loiros dourados até os platinados quase brancos.  Quanto mais clarinho for o tom que você deseja, mais precisará descolorir. Mas não precisa assustar, porque dá pra platinar os cachinhos e eles sobreviverem depois.

Minha efêmera experiência como uma moça loira
Minha efêmera experiência como uma moça loira

Dica amiga: comprar a tinta e passar direto no cabelo (como eu fiz) não dará um efeito legal e “natural” ao cabelo; Com degradês e luzes, os tons de loiro ficam muito mais bonitos! Até porque as tintas têm pouco potencial de clareamento quando comparadas aos descolorantes.

Eu fiquei loira provisoriamente (lê-se: por dois dias, rs) antes de hennar o cabelo, e apesar de não ser meu tom preferido, eu até curti a experiência!

E tem mais inspirações com as respectivas numerações APROXIMADAS de tintas aí embaixo! :)))

 

 

Se pra você todos esses exemplos não foram suficientes, dá uma olhadinha no album Cacheia de tons de loiro aqui! <3


Tons de Ruivo

Essa é minha cor preferida-para-sempre! <3 Eu sonho em ser ruiva desde criancinha e durante muito tempo a única coisa que me impediu foi o meu tom de pele. Mas dá pra ser morena/negra/branca e ruivona linda simmmm!!! Dá pra ter a cor do cabelo que tu quiser, nega! Então vem com a tia aprender!

Se seu cabelo é castanho claro ou escuro virgem, muito provavelmente, você não precisará descolorir! Boa novidade, não é, meninas? Agora, se você já usou alguma tinta de outra coloração, você terá um pouquinho de dor cabeça a mais; Mas, calma lá, fofura! Tudo tem jeito e você ainda pode conseguir o ruivo dos sonhos. Você vai precisar decapar ou até descolorir. Dica amiga: hidrata bastante e cuida com carinho do teu hair antes de descolorir ou retirar pigmentos de tintas anteriores.

Existem vários tons de ruivo: os acobreados mais fechados, os cerejas, borgonha, laranjinhas, arroxeados. Todos lindos! E apesar das tintas profissionais serem as mais cotadas para conseguir lindos tons de ruivo, as tintas de farmácia também dão conta do recado, e também a henna! Que tal dar uma olhada em algumas das muitas possibilidades?


 

Se você quiser ainda mais inspirações ruivas, criei um album cheinho de fotos aqui! :)) Se tiver alguma dúvida com tom, é só me mandar que eu tento solucionar o mistério! :P

Meu cacheado que no momento tá ruivinho cobre ♥

Tons Fantasia

Eu ainda vou pintar o meu cabelo todinho de rosa e de verde-água. Juro pra vocês. Depois do ruivo, ter o cabelo em tom fantasia é minha ambição de número dois. Novamente, a regra do “tom de pele” cai por terra com esses exemplos lindos do post. Com cores-fantasia você tem que ter mais cuidado porque, com quase 80% de certeza, você terá que descolorir antes.

As tintas fantasias são tonalizantes que apenas depositam pigmento, então quanto mais clara for a base, melhor for o resultado. A Ster lindoca fez um post completíssimo sobre tintas fantasia já.

De qualquer forma, vou reunir pra vocês alguns exemplos. E tem mais exemplos no pinterest, é só clicar aqui!

 

(PS: Tem uma comunidade linda no facebook que chama Cabelos Coloridos! Lá tem muita informação e muita gente disposta a te ajudar! :D)


Tons de Castanho

Os tons castanhos me acompanharam durante quase minha vida inteira, sofrendo algumas alterações de tons e reflexos! Os castanhos vão muito bem com ombrés, luzes, balaiagens e ainda podem ser misturados com outros tons, como mechas fantasias, ou então pontinhas ruivas! Castanho é amor puro! Ainda tem uma vantagem: não é difícil de conseguir com tintas, e como a maior parte dos brasileiros nascem com os fios pretos e/ou castanhos, a possibilidade de descolorir é mínima, a não ser que você queira efeitos de luzes e mechas.

Ou seja, é um cabelo bem mais fácil de cuidar e também inovar, porque tudo vai bem com o castanho! Eu passei 90% da minha vida com os fios castanhos, recebendo luzes, mechas californianas e até mechas vermelhinhas.

Vamos conferir as possibilidades, que são muitas?

Além desses exemplos, reuni no pinterest algumas fotos para vocês verem aqui.


Tons de Preto

Tons de preto são PODER!! A combinação de cabelo preto + cacheado/crespo é pra derrubar forninhos, não é?

Os cabelos de ébano são os mais fáceis de conseguir; É sempre muito mais tranquilo escurecer um cabelinho do que clarear. Mas cuidado: os pigmentos pretos são aqueles mais difíceis de sair do cabelo. No entanto, contudo, entretanto, desde que inventaram o método de decapagem com ácidos, tudo ficou mais fácil: o pigmento preto vai sair, mas serão necessárias algumas decapagens e talvez descolorações. Mas não desanime do seu sonho do preto perfeito!


 

 

Tons de Branco/Cinza

Eu amo amo amo amo amo cabelinhos brancos e acinzentados! E se você acha que só “pessoas mais velhas” (ou a Meryl Streep!) podem se arriscar nesse visual ousado, você está errada! Olha que exemplos lindos ali encima!

Pra atingir o seu objetivo de ter cabelinhos brancos você pode:

1. Esperar que eles fiquem todos branquinhos aos poucos. A vantagem: Você não gasta nada com tintas e ainda impede que seu cabelo quebre com as descolorações! A dificuldade: a maioria dos mortais começa a ter cabelos brancos totais, isto é, na cabeça inteira, somente a partir dos 30 anos, no mínimo. E até lá, como aguentar os fiozinhos brancos tão dispersos na cabeça? Difícil!

Ou 2. Você pode platinar o cabelinho e neutralizar o loiro com tonalizantes específicos. A vantagem: o resultado é rápido e uniforme por toda a cabeça. Desvantagem: muita descoloração até platinar os fios! A rotina de cuidados vai ter que ser pesada para recuperar os danos depois.

E tem mais inspirações lieendas pra vocês aqui!


O resultado não é o mesmo pra todo mundo

Tenham em mente que o resultado no seu cabelo vai depender da cor da tua base, ou como ele “reage” às químicas de coloração. Nem sempre seu cabelo vai ficar da cor da caixinha, e é mais provável que não fique. Mas isso não significa que você deva desanimar; na verdade, é bem legal: cada tom de cabelo é único!


Pintar ou não a sobrancelha?

Particularmente, eu acho que pintar a sobrancelha é algo completamente desnecessário. Deixá-la preta, ou da cor natural do seu hair, é um recado do tipo “essa não é minha cor natural, e eu não tô nem aí!” Hahahaha. Cada detalhe do nosso corpo transmite uma mensagem, e a mensagem que você quer transmitir depende de você. Ser negra e pintar o cabelo de rosa ou loiríssimo é dizer “não dou a mínima pro que você acha que combina comigo ou com minha pele”!

 

Eu uso minha sobrancelha de ambos os jeitos (pintada ou sem pintar), porque depende do meu humor. Quando eu estou com preguiça do mundo (quem nunca, né?), eu deixo pretinha pretinha. É a vida. Mas as vezes eu quero transmitir uma ideia diferente, então deixo ela levemente acobreada para harmonizar com o restante dos fios.

 

 

————————-

 

Espero que tenham gostado, florzinhas! Não deixem podar os lindos cabelinhos de vocês por conta de “tom de pele” e características do fio: pintem da cor que vocês se sintam bem e felizes! <3

Beijocas encaracoladas,

(adsbygoogle = window.adsbygoogle || []).push({});

Você também pode gostar: