Dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheados

  • Home
  • Blog
  • Dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheados
Dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheados

 

“Peguei piolho da minha sobrinha de 10 anos. Estou em pânico, pois meu cabelo é crespo, volumoso, comprido. Eu nem uso pente nele, penteio com os dedos na hora do banho para não quebrar, mas agora estou desesperada, pois sei que se colocar pente fino no meu cabelo vou acabar com ele”. Sheila*

Quando li essa mensagem, já me coloquei no lugar da Sheila: me imaginei passando máquina zero na cabecinha, dizendo adeus à transição, adeus ao cabelo crescido a muito custo, adeus à ruivice conquistada com suor, vinagre e henna, e claro, muitas músicas de choro e de sofrimento ao fundo.

Esse meu pânico condiz com uma visão muito ultrapassada (e equivocada) de que piolho em cabelos cacheados e crespos é um problema intratável.

Existem muitas soluções amigáveis às nossas molinhas. Infelizmente, não há quase nada na internet, em português, que nos ajude no tratamento do piolho para o caso específico de fios com molinhas. Decidi, então, dar início às minhas investigações, e apresento aqui os resultados: um montão de dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheados

Dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheados

O piolho é um filhote do capeta insetinho que se agarra aos fios que estão próximos do couro cabeludo. Ali, eles encontram aquecimento e alimento, então é só festa e rock ‘n’ roll pra esses bichinhos! :-) Piolhos podem aparecer para qualquer pessoa, de qualquer idade. As dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheados disponibilizadas aqui servem para adultos e crianças. No entanto, no caso dos pequenos, o cuidado deve ser sempre redobrado para não causar nenhuma dor ou incômodo. O Cacheia também sempre recomenda consultas com médicos e dermatologistas.


 

Superando o estigma: piolhos não estão diretamente associados à sujeira ou ao cabelo crespo

Dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheadosCabelos crespos e cacheados não estão mais propensos ao aparecimento de piolhos. Não existe preferência dos insetos por cor, tipo de cabelo, quantidade de limpeza ou sujeira. Podem aparecer para qualquer pessoa.

Cabelos crespos, cacheados, com tranças e dreads já são muito estigmatizados, principalmente porque são associados à falta de higiene e à sujeira. É um estigma preconceituoso, equivocado e racista. Se por acaso você contraiu esses parasitas, não precisa ter vergonha, mi amor, é algo super comum que não está relacionado à falta de cuidado.

Você sente vergonha porque pegou gripe? Não! Então não precisa sentir vergonha de ter piolhos =)


 

É importante a catação habilidosa dos piolhos

A voz da calopsita é a voz de Deus: CATAR PIOLHO!

O uso isolado de shampoos não é suficiente, nem recomendado, especialmente porque esses químicos são causadores de ressecamento dos fios. A catação dos bichinhos é de fundamental importância! Peça ajuda para alguma pessoa de confiança, ou faça isso com bastante paciência e cuidado no cabelinho da sua criança. É necessário fazer a catação e conferir diariamente se não sobrou nenhum piolho, ou lêndia, pois, se sobrar, ocorre a re-infestação.

Como catar os piolhos: Umedeça as mechas do cabelo com uma mistura de 50% de vinagre de maçã e 50% de água filtrada. Aplique nas mechas com o auxílio de um algodão, desembarace com uma escova, e vá catando e matando os piolhos. Você pode colocar uma toalha branca nos ombros e conferir se caem piolhos e lêndeas dos fios. O pente-fino não é essencial, porém você deve realizar uma excelente catação que garanta que não sobre nenhum parasita, caso você opte pelo não uso deste.


 

Caso queira investir no pente-fino, utilize um de metal

Dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheadosVocê pode utilizar o pente fino, caso queira, para aumentar a eficiência da catação. Para isso, uma sugestão eficaz para cabelos crespos, é que você embebede os fios com óleo de coco ou azeite de oliva durante a noite, como em uma umectação. (#Indicação da leitora Mariana: óleo de malaleuca, algumas gotinhas misturadas no óleo de coco). Pela manhã, aplique também creme de pentear bem barato com capricho, um pouquinho de água (pode aplicar a água com o auxílio de borrifador), e desembarace bem com a escova antes de começar o processo. Em seguida, penteie os fios com o pente-fino, separando mechas dos cabelo. Passe desde a raiz, encostando os dentes no couro cabeludo, e levando o pente até as pontas. Utilize um pente fino em que as cerdas possuam uma estrutura firme de metal.

Você pode forrar os ombros e os arredores com algum pano ou toalha branca, assim pode checar se piolhos ou lêndias cairam enquanto você penteava as mechas. Quando passar o pente-fino nas mechas, sempre mergulhe o pente em uma vasilha com água bem quente. É importante confirir se restaram lêndias ou piolhos todos os dias, pelo menos na primeira semana de tratamento.


 

Jatos quentes de secador podem ajudar

Esse artigo (em inglês) demonstra que jatos bem quentes de secador podem ajudar na eliminação dos piolhos! Depois que você já tiver realizado a catação, você pode lavar os fios, e em seguida, pode jogar jatos na máxima velocidade e temperatura nos fios. Atenção: não é recomendado para crianças muito pequenas!


Limpeza de fronhas, lençois, cobertores

É recomendável lavar todas as fronhas, lençóis, cobertores, roupas de cama e toalhas que foram utilizadas. Devem ser lavadas em água bem quente. Também é recomendável passar o ferro quente em todos os tecidos durante a descontaminação e após.


 

Utilize lenços, bandanas, tiaras e protetores de cabeça

Utilize lenços, bandanas, tiaras e chapéus que evitem o contágio para outras pessoas quando você sair de casa. Você também pode prender o cabelo e proteger a cabeça das crianças em caso de surtos de piolhos nos lugares que elas frequentam.

Você também pode usar turbantes, mas se você for uma mulher branca, é muito importante ter em mente que turbantes são elementos de afirmação cultural de mulheres negras. Respeite o significado desses turbantes para essas pessoas se você, assim como eu, for branca. Recomendo a leitura desse texto.


 Dicas para tratamentos de piolhos em cabelos crespos e cacheados:

Em resumo:

  1. Sem uso de pente-fino: umedeça o cabelo com vinagre, realize catação habilidosa, lave os fios e seque com o secador bem quente. Lave toda a roupa de cama e toalhas em água quente. Passe com o ferro. Sempre confira se há lêndias ou piolhos restantes.
  2. Com uso do pente-fino: umectação noturna com azeite de oliva ou óleo de coco, pela manhã creme de pentear e um pouco de água, catação habilidosa + pente-fino, lavagem dos fios e secador bem quente. Lave toda a roupa de cama e toalhas em água quente. Passe com o ferro. Sempre confira se há lêndias ou piolhos restantes.

Continue a checar se ainda existem lêndias e piolhos semanas ou meses após a desinfecção. É muito importante prestar atenção às formas de contágio em escolas, parques e locais de trabalho. E caso vocês tenham outras dicas, podem mandar também!

Dica da leitora Ana Paula: fazer uma salmoura, não tenho receita com proporção exata, mas é água com um bom punhado de sal grosso, deve ficar forte. O sal mata os piolhos por desidratação. Deve ser repetido o processo pois novos piolhos podem nascer das lendeas.
O processo resseca os fios? Sim. Assim como os remédios disponiveis em shampoo. Mas nada que uma hidratação não resolva posteriormente. A pediculose é uma patologia e deve ser tratada adequadamente, não é mesmo?
Essa receita funciona tão bem quanto remédios e não é tóxica. As pessoas chegam ao cúmulo de usar remédio de barata em crianças o que é risco de morte. Eu espalho essa informação sempre que posso.


Fontes e agradecimentos:


Sheila* é um nome fictício, escolhido pela leitora para preservar a sua identidade. Essa mensagem foi enviada através do inbox da nossa página, no facebook.

 

Raysa França

Raysa, 21 anos, vegana, belo-horizontina e mineira de coração. Estudante de ciências sociais, apaixonada com pessoas, animais, viagens, desenhos animados, culinária e cabelos.







comments

Comentários

Passei por esse drama dias desses eu e minhas pequenas usamos coca-cola nos cabelos. Foi tiro e queda

Que legal, Ellen!
Obrigada por compartilhar sua experiência!

Bjs

Ameeeeei! Essa leitora devia estar conectada a mim pq eu ia enviar uma pergunta para vocês só que no caso é minha prima rsss, mas tenho mais uma dúvida: só sabemos que temos piolho se der a coceira na cabeça? Existe algum outro sintoma?
Me responam pleaseee k bjsss amo esse blog! <3

Oi, Lais!

Os sintomas são coceira intensa e irritação do couro cabeludo, podendo surgir tipicamente erupções na nuca, acima e atrás das orelhas, acompanhadas nos casos mais graves de aumento dos gânglios linfáticos (ínguas). A fonte dessa informação é: http://www.piolho.org.br/sintomas.html

Beijos!

Minha filha tem o cabelo volumoso e bem cacheado. Usei fumo com alcool…nem as lendeas sobreviveram, secaram todas, seguido de pente para tirar os bichos.

Belíssimas dicas!! :)

Aqui minha filha tem molinhas, e eu tbm. Sempre me disseram que piolho curte cabeça suja. Bom saber que é mito. Vou redobrar a atenção. Bjo :*

Olá, meu filho mais velho, até o ano.passado tinha longas madeixas cacheadas. Eu sempre cuidei dos fios com umectação com óleos vegetais puros. Então, um belo dia ele chegou em casa empestiado de piolhos, eu, o pai e o irmão pegamos, o meu caçula é bb menor de 1 ano, o que diminui absurdamente as possibilidades de tratamento com shampoos ou medicamentos.
E mesmo usando esses últimos, meu filho continuou pegando. O q por aqui resolveu foi, a asfixia dos maleditos com óleos vegetais puros, p esse caso até o de cozinha serve, basta embebedar os fios e colocar uma touca de banho, dali a meia hora, separe os cabelos em mechas finas e.passe o pente da raiz as pontas. Após passar o pente por td cabelo, lave-os, normalmente ou com um shampoo para piolhos, depois de enxaguar use o vinegre de maçã diluído em água, tb da raiz às pontas..
Repita a operação uma vez por semana, até não ver rastro dos maleditos.
Se alguém tiver coragem, usar a prancha tb ajuda, principalmente na morte das lendias. Mas após ysar a prancha hidrate bem os fios, e não use após a umectação com óleos vegetais.

Nossa, os óleos vegetais realmente ajudam, né? Quando você falou isso a primeira vez, achei que fosse óleo fervente kkkk Tomei um sustão!
Obrigada pelas dicas e por compartilhar sua guerra contra esses bichinhos horríveis.
beijocas

Olá Raysa! Tudo bem? Parabéns pelo Blog. Estou amando. Gostaria de acrescentar uma receita simples e de baixo risco que aprendi na Faculdade de Enfermagem, com minha professora de parasitologia. Usei quando estava no estagio de pediatria e funciona mesmo! É o seguinte: fazer uma salmoura, não tenho receita com proporção exata, mas é água com um bom punhado de sal grosso, deve ficar forte. O sal mata os piolhos por desidratação. Deve ser repetido o processo pois novos piolhos podem nascer das lendeas.
O processo resseca os fios? Sim. Assim como os remédios disponiveis em shampoo. Mas nada que uma hidratação não resolva posteriormente. A pediculose é uma patologia e deve ser tratada adequadamente, não é mesmo?
Essa receita funciona tão bem quanto remédios e não é tóxica. As pessoas chegam ao cúmulo de usar remédio de barata em crianças o que é risco de morte. Eu espalho essa informação sempre que posso.
Bjs

ei Ana Paula, tudo bem?
Obrigada pela dica! Já atualizei o post com ela.. Beijinhos

Olá. Após a umectação noturna, ao acordar se deve logo aplicar o creme de pentear e passar o pente fino ou lava o cabelo para tirar o azeite e depois faz os passos?

ei João, joia?
Após a umectação você aplica o creme de pentear e apenas umedece o cabelo. Aí sim você faz os passos. Beijinhos


Deixe um comentário

error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais e não deve ser copiado ou reproduzido sem permissão prévia e sem atribuição dos créditos. Blog Cacheia 2013-2016.