Como escolher o shampoo certo para seu cabelo – parte 1

  • Home
  • Dicas
  • Como escolher o shampoo certo para seu cabelo – parte 1

Alô Cacheia! Muita gente tem dúvida na hora de levar um shampoo pra casa. Então depois de pesquisar bastante separei várias informações que podem ser úteis na hora de escolher o shampoo mais adequado para os fios, considerando alguns critérios. Na primeira parte dessa postagem falo sobre a composição geral dos shampoos e na segunda parte vocês vão encontrar várias dicas. Vamos lá?

O que é o shampoo?

Bom, certamente vocês sabem que o shampoo serve para higienizar o couro cabeludo nos livrando do acúmulo de poeira, suor, retirar o excesso de resíduos de produtos, etc. Mas dar uma olhada mais atenta nos shampoos para entender melhor aqueles componentes que aparecem no rótulo pode ser legal para entender como esse tipo de produto funciona. De modo geral a fórmula de um shampoo tem:

  • Agente de limpeza (tensoativo)/surfactante: O tensoativo ou surfactante é um dos principais componentes do shampoo, é o componente responsável pela limpeza dos fios. O tensoativo produz espuma e age como detergente. Ele é capaz de interagir com componentes presentes em outros produtos como água, silicones, óleos, etc; e promover a limpeza, fazendo com que os resíduos sejam carregados pela água para bem longe dos nossos cabelos. Alguns tensoativos possuem poder detergente e espumante mais forte e estão presentes na maioria dos produtos comuns. São exemplo: Lauril Sulfato de Sódio (Sodium lauryl sulfate/SLS) e  Lauril éter sulfato de sódio ( Lauryl Ether Sulfate).
  • Alguns tensoativos agem de modo mais suave, como é o caso dos anfóteros e estão presentes em fórmulas de shampoos infantis porque irritam menos as mucosas. Como diria a Johnson’s Baby, “chega de lágrimas!”. Para quem  segue a técnica Low Poo, o tensoativo “Cocomidopropyl betaine” é velho conhecido, mas existem vários outros. Em muitos shampoos é possível encontrar mais de um tensoativo. Aliás, é uma estratégia comum das marcas colocar mais de um tensoativo no produto: às vezes um com poder de limpeza mais forte e um para conferir suavidade.
  • Sequestrante/quelante: Já imaginou comprar um shampoo transparente e semanas depois ele ficar verde? Seria um susto e tanto! É para manter a estabilidade do shampoo e evitar que ele mude de cor, textura, cheiro, etc; que componentes como EDTA e Citric Acid são utilizados. A explicação do porquê essas alterações podem ocorrer estão ligadas aos íons metálicos e o risco de acúmulo, mas vamos ficar por aqui mesmo senão o papo faz uma curva enorme para a parte química da coisa.
  • Espessante/agente engrossante: A presença em maior ou menor medida desse componente pode deixar o shampoo mais consistente, mais viscoso, mais aquoso, etc. São exemplos de espessantes comuns nos shampoos: Sodium chloride (que nada mais é do que sal); Cocamide DEA, Cetearyl Alcohol, e PEG-120 Methyl Glucose Dioleate.
  •  Estabilizador de espuma: componente que vai agir sobre o pH da solução e interferir no poder espumante do shampoo. São exemplos impulsionadores de espuma: Carboxymethylcellulose e Cocamide DEA.
  • Agente Engordurante:  O poder de limpeza do shampoo é bem significativo, por isso alguns componentes são utilizados como um modo de reduzir a retirada excessiva de gordura dos fios e aquele efeito ressecado e difícil de pentear. A lanolina (lanolin) é um exemplo de componente muito comum utilizado com essa função.
  • Conservante:  O shampoo é uma mistura de diversos compostos orgânicos e para preservá-lo da ação de microorganismos como os fungos, componentes conservantes são adicionados à fórmula. Os mais comuns são os parabenos: Methylparaben, Propylparaben, Benzylparaben, Ethylparaben, Isobutylparaben, Isopropylparaben e Butylparaben. Outros exemplos: Imidazolidinyl urea, DMDM Hydantoin,  Quaternium 15 e  Sodium Hydroxymethylglycinate. Não irei tratar aqui das discussões em torno dos perigos oferecidos por muitos componentes presentes nos cosméticos porque ainda não pesquisei a fundo esse tema e não quero colocar todo mundo em pânico. Por hora, cabe dizer que alguns desses componentes são apontados como causa para alergias, por isso é importante ficar de olho e consultar um(a) dermatologista caso observe algum incômodo na pele após o uso de produtos com conservantes. O shampoo é um produto que entra em contato direto com nosso couro cabeludo, então é super importante ficar atenta(o) caso perceba alguma coisa diferente.
  • Corantes: Os corantes geralmente são utilizados apenas para alterar a aparência estética do produto. São corantes exemplos de corante: CI 19140, CI 16035.
  • Essência/fragrância: É aquele cheirinho né minha gente. São exemplos fragrâncias: Citronellol, Benzyl Salicylate e D-Limonene.
  • Água: A água está presente como agente diluente nos shampoos.

Além de tudo isso, cada marca vai acrescentar nos produtos componentes específicos que vão dar a “cara” daquele produto. Assim é possível encontrar por exemplo shampoos que apostam nas algas marinhas, mandioca,  pimenta, Jaborandi, etc.

E depois de dessa síntese geral, bora para a parte dois conferir como escolher o shampoo certo para suas madeixas!

*Importante: Não sou tricologista, dermatologista, cosmetóloga, etc. As informações desta postagem não devem ser interpretadas como orientação médica e são baseadas em pesquisa bibliográfica. Todas as referências estão disponíveis abaixo. 

Referências bibliográficas

Cloreto de sódio: análise de sua função na formulação de xampus para manutenção de cabelos quimicamente tratados

Avaliação da degradação proteica da fibra capilar por ação de xampus

Dossiê Fabricação de produtos de higiene pessoal. 

Conservantes – cosméticos e perfumes

O poder dos quelantes

Shampoo – professor Daniel Rossi 

Degradação de cabelo causada por tensoativos: quantificação por meio da análise das soluções de lavagem por espectrofotometria UV-VIS

Maressa De Sousa

Maressa, 23 anos, baiana. Mestranda em Antropologia. Ama filmes e livros de ficção e aventura. Para ela, a transição capilar marcou o início de muitas outras transformações.







comments

Comentários

Boa noite ,meu nome e Daniele ,gostaria de esclarecer algumas duvidas. Primeiramente sou crespa e quero urgentemente fugir de química,to muito na dúvida pois e um processo que e bastante difícil.faco química no meu cabelos desde 12anos(hoje to com 17)Sinceramente não lembro do cacho do meu cabelo fico muito triste por isso .em meio a esse tempo de química, tive que corta meu cabelo por estar muito danificado tava horrível,sofre bastante o tempo que ele ta super curto foi horrível ,mas não conseguir entrar pra transição infelizmente, mais to buscando força e coragem pra conseguir entrar na transição ,fiz várias buscar na NET pra encontrar algumas soluções e encontrei esse blog e me apaixonei ,por esse motivo venho pedir ajuda a vocês ! QUERO VOLTAR A MEUS CACHOS ! Minhas dúvidas são:
A única solução e o corte ? Ou posso simplesmente abondonar a química e ir cortando aos poucos ? Quais produtos devo usar ? Baixar a raiz alta como faço ? Quando tempo pode demorar? Tem algumas dicas para esse processo ser acelerado ?
Ta ai essas são minhas dúvidas ,vou a guardar ansiosa !Agradeço desde já

Oi Daniele, tudo bem? Temos um guia aqui no blog super completo e que responde todas essas perguntas, dá uma olhada: http://bit.ly/guiatransição

Abraços!

Amei esse post!

Bom dia, eu estou com uma duvida muito grande (na verdade desespero), a muito tempo eu havia vontade de voltar as minhas madeixas naturais, e apenas em agosto, após muito pensamento, e preparamento piscologico (kkkkkkk acredito que saiba do que digo). Enfim, após esses 3 meses meu cabelo ja esta com uma raiz gigante (por incrivel que pareça, pois meu cabelo não havia bom crescimento) , e eu não tenho ideia do que fazer, será que vocês podem me ajudar com alguma dica, ou milagre?! (rsrsrrs), estou desesperada não tenho que fazer no cabelo, bom nestes 3 meses realizo o cronograma capilar (porém nem ele quer dar algum resultado, pois meu cabelo esta muito seco, como se estivesse pedindo socorro) sei que meu cabelo é do tipo 4, e realizava desde relaxamentos a progressivas desde muito pequena, porém fiquei um bom tempo tambem sem, pois usava alongamento com entrelaçamento.
Eu espero que alguém possa me ajudar hahaha
beijinhos!

Oi Tih, tudo bem? Reunimos algumas orientações importantes para quem está em transição nesse guia, espero que te ajude.
http://bit.ly/guiatransição

Veja também essas dicas pra evitar o ressecamento: http://bit.ly/xoressecamento

Abraços!

Olá, tudo bem? Conheci o blog ontem e estou adorando o que tenho lido. Tenho cabelo tipo 2B e sofro com frizz e cachos que perdem definição durante o dia. Estou pensando em começar a fazer low poo, e estou pesquisando por onde começar. Não sei quais produtos escolher… Eu comprei a água termal da linha sou + cachos da Yenzah. Será que é uma boa começar com os produtos dessa linha? Ou então pensei em ver os produtos da Yamasterol, que li falarem tão bem aqui no blog. Se puderem me dar um help… Muito obrigada!!

Oi Luiza, os produtos da Yenzah são muito bons. Tem resenha aqui no blog do finalizador: http://bit.ly/yenzahscachos
Veja outras dicas de produtos liberados nessa postagem: http://bit.ly/guialowpoo e dicas para finalizar cabelos ondulados aqui: http://bit.ly/finalizaçaoonduladas

Abraços!


Deixe um comentário

error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais e não deve ser copiado ou reproduzido sem permissão prévia e sem atribuição dos créditos. Blog Cacheia 2013-2016.