4 Coisas para fazer antes de dispensar um produto novo que não deu certo

  • Home
  • Dicas
  • 4 Coisas para fazer antes de dispensar um produto novo que não deu certo

Alô Cacheia! A postagem de hoje é simples mas pode ser super útil. Quem nunca comprou um produto que acabou não gostando heim? A gente já recebeu várias mensagens no inbox do Facebook falando sobre isso, então decidi compartilhar o que eu costumo fazer com meus produtos para finalização. Observação importante: a foto de capa é meramente ilustrativa. Na verdade ela tem produtos que eu gostei muito <3

4 Coisas para fazer antes de dispensar um produto novo que não deu certo

1- Teste em diferentes finalizações

Existem várias maneiras de finalizar cabelos cacheados e crespos. No dia-a-dia, costumo pentear com os dedos e secar com difusor. Quando quero variar faço uma texturização com twists. Mas além dos twists, existem texturizações com coquinhos, com bigudins, com tranças, etc. Algumas meninas gostam de definição e costumam fazer uma técnica chamada fitagem para estimular a formação dos cachinhos. Outra possibilidade são as técnicas de finalização que utilizam mais de um produto. Vou explicar melhor no tópico 4.

De todo modo, a sugestão principal é: se você comprou um produto novo, finalizou como de costume e não deu certo, experimente usar de outro jeito! Guarde o produto para quando quiser testar outro visual :) Quem sabe não fica um sucesso de lindo?

2- Explore outras funções do produto

Alguns produtos são multifuncionais, o Yamasterol é um exemplo disso. Apesar de ser querido entre várias mulheres, nem todo mundo se dá bem com ele logo de cara. Para algumas meninas a grande reclamação é que o produto é muito leve e proporciona pouca fixação. Mas para além de servir como creme de pentear, o Yamasterol tradicional (aquele amarelinho) serve como pré-poo, como co-wash e como condicionador. Com tantas utilidades, é impossível deixá-lo de lado.

3- Teste no borrifador

Se o produto em questão é bem levinho e não funcionou como creme de pentear, experimente colocar um pouquinho no borrifador. Você pode dissolver duas colheres do seu leave-in com água e algumas gotinhas de óleo vegetal. A misturinha pode ser usada para umidificar os fios no day after.

4- Combine com um outro produto

Existem algumas técnicas para finalização que combinam mais de um produto capilar. Na técnica OG, o óleo e o gel para cabelos formam uma dupla perfeita. O óleo ajuda a dar mais maciez e brilho enquanto o gel dá emoliência e ajuda na fixação. A aplicação costuma ser feita exatamente nessa ordem. Na técnica LOC o princípio básico é a mistura de líquido + óleo + creme (minha favorita!).

Alguns produtos funcionam muito melhor quando estão acompanhados. Tenho aqui o gel redutor de volume da Capicilin e o gel redutor de volume da Salon Line. Notei que ambos dão um resultado muito mais bacana quando uso um creme de pentear por cima, durante a aplicação.

produto novo que não deu certoRecentemente comprei um produto para pentear de 1 kg, acreditando que seria uma maravilha para o meu cabelo. No entanto, o produto era líquido demais e não funcionou muito bem. Com o pote era super grande, não quis me dar por vencida logo de cara e tive uma ideia. Me lembrei que o Definidor de Cachos Capicilin (um gelzinho transparente) costumava deixar meu cabelo mais durinho quando misturado com creme. O que aconteceria então se eu acrescentasse esse produto ao creme de pentear? O resultado é esse que está na foto. O produto que era super líquido ficou com textura de máscara! Testei essa pequena quantidade num pontinho e deixei durante algumas horas para ver se alguma reação química maluca acontecia (era pouco provável mas decidi fazer o teste). Como tudo ficou ok, decidi misturar os dois produtos e ganhei um creme totalmente novo. Bem mais grossinho e ótimo para o meu cabelo. Estou contando essa história, não para dizer pra vocês comprarem esse gel e jogarem em todos os frascos de produto que tiverem em casa, mas para mostrar que os produtos estão a nosso serviço. Eu recomendo que as misturinhas sejam sempre feitas num recipiente separado, na quantidade exata para a finalização. Acabei não seguindo essa recomendação no caso do creme e assumi o risco de que minha misturinha não ficasse lá muito boa. Mas ainda bem que ficou! É preciso prestar atenção também na composição dos produtos para não misturar coisas incompatíveis.

Nada deu certo? troque com alguém! :)

Os tipos e necessidades dos nossos cabelos são diversos e podem existir produtos que não funcionam muito bem para o seu tipo de textura capilar, mas que caem como luva nos cabelos de outra pessoa. Trocar e/ou doar é sempre melhor que deixar um produto encostado no fundo da prateleira. No facebook existem vários grupos para troca de produtos que podem ser ótimos caso você não tenha uma amiga/colega/conhecida que tenha interesse pela troca.

Importante:

Se o produto for realmente ruim, se livre dele correndo! Infelizmente alguns produtos de má qualidade podem prejudicar bastante os fios. Acompanho uma blogueira que tinha um super cabelão e teve que cortar boa parte do comprimento dos fios porque eles ficaram ressecados e quebradiços após o uso de um produto “x”. Se a fórmula por si só for ruim, não há santo que ajude.

Outras sugestões:

  • Nossa leitora Ana contou pra que quando um shampoo realmente não dá certo, ela utiliza o produto como sabonete líquido para as mãos.
  • Nas máscaras mais fracas uma possibilidade é acrescentar – num recipiente separado e na medida certa para aplicar- ingredientes para potencializá-la conforme a necessidade dos seus fios: meia ampolinha de tratamento, algumas gotas de óleo vegetal, etc. Outra coisa interessante é que algumas marcas oferecem tratamentos específicos para misturar às máscaras de tratamento, esse é o caso da linha Power Trat da Barro Minas. Em cada potinho de 120g tem vários itens concentrados: queratina, vitaminas, manteigas, etc. Já testei o Power Trat D-pantenol e o Power Trat Proteína da Seda e gostei muito do resultado, mas existem várias opções disponíveis. Confiram algumas sugestões abaixo.

power trat barro minas potencializar máscara

Maressa De Sousa

Maressa, 23 anos, baiana. Mestranda em Antropologia. Ama filmes e livros de ficção e aventura. Para ela, a transição capilar marcou o início de muitas outras transformações.







comments

Comentários

Eu também faço isso. tento arrumar uma forma de usar o produto, agora como você disse, tem uns…. E agora meu cabelo tá bem ressecado e não sei o que está causando. Ahh, eu comprei um spray ativador de cachos da natura e acho que ressecou meu cabelo. tô pensando no que fazer com ele

Oi Fany! Tudo bem? Troca com outra mulher cacheada/crespa. Tem produto que não dá certo pra gente mas funciona maravilhas com outras pessoas :D

Gente, alguém pode indicar um desses grupos de troca de produtos?

Oi Isabela, tudo bem? Em que estado/cidade você mora?

Rio de Janeiro – RJ :)

Isabela, parece que esse grupo aqui é só do Rio de Janeiro ó: https://www.facebook.com/groups/1475146916080482/
E esse tbm: https://www.facebook.com/groups/1458634684402517/?fref=ts

Não participo de nenhum, então checa direitinho pra ver se tá tudo certo :)

Abraços!

Dicas ótimas, adoro este site! Sou de Ribeirão Preto S.P. vcs sabem de alguma página de troca?
Beijikas

Oi Fernanda! Tudo bem? Infelizmente não encontrei nenhum grupo específico de trocas em Ribeirão Preto :/

as dicas so valem pra creme de pentear, mas kd dicas pra condicionador e shampoo?? tenho 3 de cada aqui que quero me livrar mas nao sei oq eu faço com eles

Pois é Raisa, são dicas para aproveitar os produtos para finalização. Considero mais complicado aproveitar shampoos, condicionadores e máscaras que não deram muito certo. Para dizer a verdade, quando o shampoo não dá certo comigo não tem jeito, eu troco ou dou para outra pessoa. Nas máscaras eu costumo adicionar algum ingrediente para potencializar, num recipiente separado, bem perto do momento de aplicar.

”Eu achava que tinha um 2C, e descobri que, na verdade, tenho molinhas 2C-3A-3B.”
Oi meninas, eu estou em pré fase de transição, a aceitação da ideia..rs E por isso venho pesquisando em vários sites e acabei descobrindo vocês! Tenho que dizer que o site/blog é maravilhoso <333 Eu sou uma pessoa extremamente leiga nesse assunto, pois desde os 11 anos, mais ou menos, vivo da química no cabelo, é a minha realidade. Mas estou ficando farta! Farta de gastar absurdos com alisamento para em média 2 meses estar péssimo visualmente. A ideia de assumir os cachos ou o cabelo crespo (não me lembro como o meu cabelo é por natureza, e sim, é triste) não me parece tão distante agora.. Enfim, rs, destaquei essa parte de um texto que vi aqui no site e gostaria que vocês me ajudassem a compreender. O que significa a simbologia 2C, 3A, etc..? Obrigada, beijosss

Oi Stef! Tudo bem?

Nessa postagem aqui tem tudo explicadinho: http://cacheia.com/2014/02/tipos-de-cacho-como-identificar-o-seu-dicas/

Beijos!

Se for máscara, eu acabo usando para depilar a perna ou como amaciante! Dá certo e fica cheirosinhas as roupas :P

Para depilar?? OMG! Como assim Isadora? Explica pra gente :D

gente, leave in e condicionador dá para usar como amaciante de roupas também!
E shampoo que não deu certo como sabonete líquido para as mãos

hahaha Jura Ana? Nunca tinha pensado nisso! :D

Boa tarde! Adorei as dicas! Faz muito tempo que assumi os meus cachos, muuuuito antes dessa febre toda de big chop e tals, rs. Mas só fui aprender a cuidar melhor dos cachos em meados de agosto de 2015. Sem muita pesquisa, acabei usando a linha Cachos Poderoros da Fructis, e o meu cabelo amou. Aí veio a onda do Tô de Cacho da Salon Line, comprei um shampoo e um condicionador (que já de cara não demonstrou o mesmo resultado do Fructis, claro, são produtos diferentes, mas o Fructis deixa meu cabelo mega macio), e acabei comprando os finalizadores do Tô de Cacho, o para 2C, 3A e 3B, mas não fiquei satisfeita com o resultado. Tentei o anterior a esse, mas também não me adaptei…. Como eu faço para achar um desses grupos de troca (que eu nem sabia que existia, grande face : )), sou de Curitiba ^^ Obrigada

Oi Patrícia! Tudo bem?

É só colocar lá na caixinha de busca do facebook “Trocas de produtos Curitiba” :) Você deve encontrar alguns grupos.


Deixe um comentário

error: Este conteúdo é protegido por direitos autorais e não deve ser copiado ou reproduzido sem permissão prévia e sem atribuição dos créditos. Blog Cacheia 2013-2016.